Arquivo

Archive for the ‘Resumo – Igor’ Category

Último resumo bem resumido

23 / janeiro / 2007 Deixe um comentário

Chegando ao local, apenas dois guardas apavorados guardam a residência, entrando pelo alçapão lateral que leva ao porão, Lauren encontra Skaff orando ao lado do corpo de Libs, enquanto Hagen e Victor entram um pouco após, assim que encontram um lampião. Quang fei decide não ficar no porão e vai orar (em Chinês) pelo guarda morto na frente da casa, mas um dos guardas avisa ele para nunca mais orar naquela língua estranha, pois isso não é permitido pelo Legislador.
Skaff descreve o acontecido e a criatura que enfrentou, enquanto Hagen vasculha o local. Nota que a quantia de sangue na cena do crime é estranha, tratando-se do assassino que retirava o sangue de suas vítimas. Reconhece as pegadas faltando um salto em uma das botas e encontra um pedaço de tecido preto preso a um prego no corrimão da escada do porão, provavelmente da roupa do assassino, o qual estava coberto por fuligem fina. A cena do crime estava muito escura e não havia nenhuma iluminação no porão.
Lauren conversa com os guardas, que dizem que nenhum empregado estava na casa porquê nunca dormem ali, com exceção talvez da governanta. Ela entra na casa e não encontra ninguém no quarto da governanta, que está arrumado e em ordem. Na biblioteca encontra um cofre com os documentos de Libs e dinheiro, o qual ela “toma emprestado”. No quarto vê as pegadas do assassino na roupa de cama e rouba várias jóias. Ao sair da casa, avisa Hagen para investigar as pegadas no quarto, e o investigador acaba encontrando o cofre na biblioteca e os documentos.

Então o grupo divide-se: Victor vai avisar a guarda sobre o assassinato na fazenda; Hagen segue os rastros do assassino até a cidade, onde elas acabam num dos setores mais perigosos da localidade e sem mais nenhuma informação sobre o suspeito, vai até a guarda possivelmente encontrar com Victor; Lauren e Quang vão vigiar a casa do Cuteleiro, caso ele seja realmente o culpado e tente fugir; Skaff e Rurik vão ao cemitério falar com Ilia, onde pedem ajuda ao sujeito, mas ele apenas os aconselha não ajudando da forma como eles esperavam. O paladino ainda pergunta se ele poderia falar com o espirito de seu pai novamente, ao que Ilia confirma, mas uma pequena discussão ideológica faz o servo dos deuses desistir da idéia.

Anúncios
Categorias:Resumo - Igor

Libs muerto!

23 / janeiro / 2007 Deixe um comentário

Saindo da propriedade dos Libs, o grupo, ainda sem Rurik e Skaff, vai até o local onde foi encontrado o corpo da garota que estava desaparecida. Ela havia sido encontrada numa ruela, amarrada e mutilada, com todas as suas extremidades cortadas. Após algumas observações, Hagen conclui que ela provavelmente estava pendurada, o assassino possuía algum conhecimento para controlar o sangramento da vítima e que seu sangue foi retirado lentamente ao longo dos dias. Dentro da boca da garota havia um bilhete, com o nome de Hagen, colocado lá após a morte dela. Interrogando os moradores do local, encontram duas testemunhas, e ambas afirmam que viram um homem grande vestido de negro trazer o corpo e jogá-lo ali durante a madrugada (período em que eles estavam com Ilia). Uma das testemunhas, que estava mais perto, na porta do outro lado da rua,disse que ficou apavorada frente a presença do ser, mas conseguiu ver, independente da pouca luz, que seus olhos eram dois pontos de luz vermelha brilhante. Após algumas horas de entrevistas com os populares, retornam à estalagem.

Nesse meio tempo, Skaff e Rurik continuam vigiando a casa de Libs, até que Rurik sai para caçar algo para comerem, deixando o paladino sozinho, mas antes o bárbaro avisa que se precisar é só gritar por ele. Após algum tempo, uma figura estranha pula a mureta de divisa da propriedade, alguém grande vestido de negro e com uma cabeça de abóbora. A figura invade a casa, e Skaff vai atrás, avisa os guardas e consegue convencê-los a entrar com ele. Eles escutam sons de luta no andar de cima e chegam a tempo de ver o “Cabeça de Abóbora” atacando Libs em seu quarto. Dois dos guardas se apavoram com a visão e fogem escada abaixo, o terceiro fica com Skaff para combater a figura sinistra. O paladino avança sobre o ser, mandando o guarda levar Libs a um local seguro. O assassino olha-o e diz “Você? Eu esperava o outro…”. Segue-se um breve combate, Skaff atinge seu oponente que não parece demonstrar sofrimento ou emoção, apesar de esboçar reação física de dor. O guerreiro de Heirouneous grita pelo nome de Rurik, e após mais alguns momentos de combate, o assassino desvencilha-se do herói e pula pela janela. O paladino tenta ver o caminho seguido pelo inimigo, mas sem sucesso, e pouco depois, ouve uns gritos no andar térreo. Descendo rapidamente, chega à porta da casa para encontrar dois dos guardas em posição de defesa na porta, e Rurik com um machado de lenhador sujo de sangue e um terceiro guarda morto a seus pés, antes do alpendre. O bárbaro explica que eles estavam tentando impedí-lo de entrar para ajudar.

Skaff pede para que o bárbaro circunde a casa para ver se encontra alguém, enquanto vai ver o porão, onde os guardas dizem que Libs foi se proteger. Ninguém responde à porta trancada do porão, então Skaff recorre a Rurik para abrir a passagem. Na escada, encontram o corpo do guarda que protegia o homem rico, e no recinto em si, o corpo esquartejado de Libs. Uma porta externa do porão está aberta, com pegadas ensanguentadas levando para fora da casa. O paladino fica cuidando da cena do crime, enquanto manda Rurik para a cidade trazer Hagen e os outros.
Na estalagem o resto do grupo descobre que Sir Tristen já partiu da cidade, levando sua escolta consigo. Enquanto estão conversando e bebendo em uma das mesas, um homem entra e entrega para Lauren um papel com uma abóbora desenhada e sai correndo da taverna. Sem entender nada, a ladra sai correndo atrás dele, mas do lado de fora do prédio, é atingida por uma pedrada na cabeça e virando-se para identificar seu “atacante” vê Rurik a chamando. Ele diz pra que ela chame os outros para acompanhá-lo pois o assassino foi visto, e matou Libs…

Categorias:Resumo - Igor

“Saia da minha mente!”

5 / dezembro / 2006 Deixe um comentário

Ilia explica que a substância verde é um veneno de efeito retardado, que matará o paladino ao fim do ano, e que apenas seu mestre pode dar-lhes o antídoto o que garantirá que a promessa será cumprida. Ele ainda diz para que terminem a investigação, pois isso contará muito a favor tanto do grupo quanto dele mesmo perante seu mestre.
Skaff e Rurik não acham uma boa idéia voltar para a estalagem depois de tudo o que ocorreu, e decidem ficar nos campos próximo à casa de Libs, enquanto os demais voltam para descansar em seus quartos.
Pela manhã, Victor, Quang e Lauren tratam de “assuntos domesticos”, como arranjar roupas novas para o monge e lavar as roupas sujas de sangue dos demais. Próximo da hora do almoço, os guardas da cidade avisam Hagen que mais um corpo foi encontrado, e eles vão tratar de seus assuntos com Sir Tristen. Enquanto almoçam com o cavaleiro, o chinês conta sobre seu encontro com Malken. Assim que acabam a refeição, Tristen demonstra pressa em falar com Libs, pois diz ter afazeres que não podem esperar e gostaria de resolver esse assunto o mais rápido possível. Assim, todos exceto Rurik e Skaff dirigem-se à casa de Libs, junto com Tristen. Na mansão, começam um interrogatório sobre Libs, e com a presença de Sir Tristen torna-se fácil perguntar tudo o que é necessário saber. O homem parece não estar preocupado em esconder nada, e juntamente com auxilio de uma magia Ler Pensamentos lançada sorrateiramente por Victor, foi possível confirmar algumas de suas afirmações. Libs é viúvo, tendo sua esposa morta em um acidente eqüestre, e seu único filho estuda na faculdade em Kantora. O aristocrata parece ter um problema sério para se controlar em relação a mulheres, e apenas sua governanta parece ter realmente conhecimento de todas as suas aventuras amorosas.

Das vítimas, ele teve relações com Joana e com a terceira vítima, uma prostituta com quem ele se encontrou a muito tempo atrás. Com a mulher do cuteleiro ele tentou forçar proximidade em uma festa, ocasião na qual foi agredido pelo marido ciumento. Após isso, ele visitava a mulher constantemente, buscando aproximação e tentando concertar a má impressão, chegando até a contratar um marginal, Harker, para vigiar a cutelaria para que ele soubesse quando podia visitar o local sem encontrar o cuteleiro. Aparentemente, esse Harker realizou alguns outros trabalhos ilícitos para Libs. O homem rico parece assustado com o fato de que todas as vitimas tem alguma ligação com ele, e suspeita do cuteleiro por ele o ter ameaçado (e também aproveita a situação para tirar as suspeitas de cima de si mesmo, como Victor pôde averiguar). Além das vitimas já conhecidas, mais duas mulheres podem estar em perigo, pois tem casos com Libs. Com o interrogatório e a leitura de mente, parece ficar claro que Libs não é o assassino.

Durante o desenrolar da conversa, quando pareceu certo que Libs era inocente, Victor aproveitou para ler as mentes dos demais. Num primeiro momento, lhe pareceu haver uma mente à mais na sala, talvez alguém escondido. Notou também que a mente mais inteligente no recinto era a de Lauren. A primeira mente a ser lida após Libs foi a do guaxinim, ele parece ter uma inteligência maior que dê um animal comum, e seu maior interesse é realizar os desejos da ladra.
Em seguida, a mente de Tristen foi lida, entretanto, os pensamentos que ele captou não foram de Tristen, mas sim de alguma outra coisa que lhe mostra cenas horríveis de violência e lhe diz “Saia da minha mente!”. Assustado com o fato, o arquivista se levanta e grita na direção de Tristen “Quem é você”, ao qual lhe é transmitida uma ultima mensagem antes deste perder a concentração: “E se você tiver realmente descoberto algo, terá coragem de contar a alguém?”. Há uma comoção geral com esse acontecimento estranho por parte dos outros que não entendem nada, e Victor se desculpa, botando a culpa no strees dos últimos dias.
O depoimento é encerrado e todos vão embora. Victor não conta nada sobre Tristen, mas diz ter lido a mente de Libs e explana sobre suas conclusões.

Categorias:Resumo - Igor

O Chamado do pai de Skaff

26 / novembro / 2006 Deixe um comentário

O paridoni e o chinês continuam discutindo, quando Ilia se intromete, fazendo sua voz ser ouvida pelos dois, mesmo não estando naquele local. Isso ocorre no momento em que Hagen diz que Quang não passa de um mendigo qualquer, e o homem atenta para o fato de que o monge é muito mais do que um simples mendigo, caso não fosse assim, não teria atraído a atenção de Malken, e pede para que Hagen pergunte a Qaung sobre o que lhe aconteceu.
Hagen ignora todos os apelos e volta para a estalagem. Pouco depois disso, os demais decidem ir buscar o corpo de Skaff na estalagem, e enquanto os outros se preocupam com o transporte do corpo, Lauren tenta um último argumento para convencer Hagen. Ela invade o quarto do investigador, e fica ali até ele a escutar. Ela argumenta que ninguém realmente tem “obrigação” de fazer nada, nem mesmo Hagen. Mas assim como ele, nenhum deles tinha obrigação de ir até a Terra dos Pesadelos para o salvar, voltando cheios de seqüelas de lá, só para trazê-lo de volta. Às vezes existe algo além da pura obrigação. E Lauren reforça dizendo “Skaff foi o primeiro a ir atrás de você. Você tem uma divida conosco…”
Hagen não fala nada, e sai do quarto. Ele dirige-se para o cemitério, sem avisar ninguém, e encontra Ilia dentro de um mausoléu que foi preparado para o ritual. O detetive pergunta quem é o mestre de Ilia, e o homem lhe entrega uma carta com o selo de Strahd Von Zarovich, convocando pessoas que possam investigar movimentações estranhas que acontecem em suas terras. O acordo é ir até o fim deste ano ouvir a proposta do Conde da Baróvia. Os demais chegam com o corpo, e após todos aceitarem a condição, Ilia diz que precisará de instrumentos cirúrgicos que podem ser encontrado no sanatório abandonado ao lado do cemitério.

Sendo assim, Quang, Rurik e Lauren vão mais uma vez para dentro do sanatório, e lá são vitimas de um dream spawn que se faz passar pelo irmão gêmeo de Quang Fei. Entretanto, devido à própria situação e pelo comportamento da criatura, fica claro que ele não é quem diz ser, e após um rápido combate, a criatura é posta fora de combate e amarrada (mais tarde o monge retorna ao local e liberta a criatura, que foge para dentro do sanatório). Sem muita dificuldade eles encontram uma maleta com os instrumentos necessários e retornam ao mausoléu.
Ilia então inicia o ritual, limpando o corpo de Skaff e costurando sua cabeça de volta no local. Ele monta a armadura de mithral ao lado do corpo, derramando um pouco de sue próprio sangue sobre esta, que se torna de um tom avermelhado. Ele conversa com o corpo, e abre o peito do paladino, expondo seu coração e retirando o sangue coagulado de dentro com a uma bomba. Nesse momento ele pede o sangue de alguém do grupo, e tanto Quang quanto Hagen se oferecem, mas o monge é o escolhido, pois segundo Ilia ele tem mais a sacrificar (sua pouco usual energia espiritual e sua inocência). Ele abre o peito do monge, a sangue frio, e retira sangue de seu coração, deixando uma horrível cicatriz no peito do chinês. Durante o ritual, Victor começa a desconfiar que Ilia seja um morto-vivo, provavelmente um vampiro. Então, o necromante junta o sangue de Skaff com o de Quang e o seu próprio, assim como a um líquido verde esfumaçante, e injeta no coração do paladino. Pouco após isso, Skaff desperta, sendo chamado da escuridão no além pelo espírito de seu pai.

Categorias:Resumo - Igor

Como trazer Skaff de volta?

24 / novembro / 2006 Deixe um comentário

Hagen conversa com Rurik, que diz que não queria fazer aquilo, e parece arrependido. O detetive acredita no bárbaro, um pouco baseado no relato de Victor, e propõe que ele se submeta a uma sessão de hipnotismo para resolver seu problema. Entretanto o homem se recusa a ser “curado”, mas conta que pode trazer Skaff de volta. Assim, o investigador o desamarra e o deixa sair pela janela, sem armas.
Após isso, o detetive sai para conseguir informações no submundo da cidade. Ninguém parece ter idéia de quando Malken está ou não na cidade, exceto quando ele assim o quer, e nem sabem se ele chegou recentemente. Também parece que não há nenhum conhecimento sobre a identidade do assassino da cabeça de abóbora, e alguns assassinos profissionais estão preocupados com a presença do estranho, que pode estragar seus negócios. Depois, vai até a casa do sapateiro que, muito irritado com o horário, confirma que apenas confeccionou botas com um salto faltando para o cuteleiro, e para ninguém mais.
Rurik volta à estalagem, escalando a janela do quarto de Skaff, onde Quang Fei velava o corpo do amigo morto, e pede a ele que chame os outros. O monge chama Victor, e eles trancam o quarto onde Lauren dorme para ir falar com o bárbaro. Rurik explica a eles que Hagen o libertou para que ele fosse falar com alguém que é capaz de trazer Skaff de volta, exatamente como era antes, mas a condição imposta pelo homem implicava em um compromisso da parte de todo o grupo.
Nesse meio tempo, Lauren acorda com o vento frio da noite. A janela está aberta (ela não sabe que a mesma deveria estar fechada), e no parapeito está um guaxinim olhando para ela. A meio-elfa tenta espantar o bicho, mas ele não foge, e se aproxima mais dela. O resto do grupo decide ir chamar a ladra, para irem até o homem que trará o paladino de volta à vida, e o guaxinim começa a seguir Lauren como um cãozinho, sendo acolhido por ela. Ela não sabia ainda que Skaff tinha morrido, e não entende porque Rurik agora quer ressuscitá-lo.

Rurik, sabendo que o investigador havia saído da estalagem, utiliza o faro de seu totem lobo para encontrá-lo nas ruas da cidade, e quando o grupo o encontra e lhe é explicada as condições impostas, Hagen “ignora” os apelos do grupo e não aceita de forma alguma a situação. Ele finge ir embora, mas segue o grupo escondido (só Rurik o percebe) enquanto estes vão até o cemitério conversar com o misterioso homem.
O homem alto, esguio, de pele pálida e cabelos negros os esperava em frente ao cemitério. Seu nome é Ilia, e ele diz que pode trazer Skaff, mas só o faria com um compromisso de todos os membros do grupo, sem exceção, em aceitar ir até o fim do ano ouvir uma proposta de seu mestre. Ele explica para Victor um pouco de como será o ritual que trará o paladino de volta, ficando claro que se trata de necromância, mas de natureza não intrinsecamente maligna. Diz também que isso só poderá ser feito até o fim daquela mesma noite. Como todos supõe que Hagen não está lá, Ilia espera o retorno de todos com a decisão final. Enquanto eles conversam, o guaxinim denuncia Hagen indo em sua direção, o que faz o investigador começar a ir embora. Quang Fei corre em direção a ele e tenta convencê-lo a colaborar, mas a conversa acaba em discussão e ofensa mútua.

Categorias:Resumo - Igor

Conheçam Dr. Harvard! II

15 / novembro / 2006 Deixe um comentário

Os guardas e Tristen, correm para atacar Rurik, e o lorde rapidamente o derruba com poderosos golpes do cabo de sua espada. Victor sobe para o telhado atrás de Lauren e Harvard por outra janela, e Quang faz o mesmo assim que se recupera do choque. Harvard fareja a ladra, dando fim a suas esperanças de se esconder, e ela decide descer pelo outro lado do prédio. Victor faz uma magia para aumentar o tamanho do monge, para que este possa lutar contra o homem-lobo. Harvard diz a Lauren “Você tem algo que me pertence!”, e assim que termina a frase Quang acerta ele com um encontrão. Lauren tenta aproveitar a distração para descer, mas o lobisomem é mais rápido e pula agarrando a ladra, derrubando os dois na rua.
Harvard imobiliza a ladina, não a deixa utilizar sua adaga de prata, então resmunga alguma coisa (conjura zona da verdade) e começa a interrogar-lhe sobre o crânio. Lauren não mente, somente diz que não está com ela e que não sabe onde está, e que não foi ela a responsável por trazê-los para cá, achando que foi o mago do grupo. Quang Fei interrompe a conversa atacando o lobisomem e pedindo para que ele largue sua amiga, mas o clérigo coloca seus dentes sobre a garganta de Lauren deixando claro o que pode acontecer caso alguém interfira. O clérigo a ameaça, dizendo que se não fosse por ela estaria com o crânio agora e não estaria nesse lugar estranho. Manda que ela encontre o crânio e devolva a ele, pois pode encontrá-la a qualquer momento e se ela não o fizer, irá voltar para matá-la. Dito isso, ele sai de cima da meio-elfa e desaparece pelas ruas de Egertus.

Enquanto isso, Hagen e o cuteleiro chegam à casa do artesão, e este percebe que forçaram sua porta, e o investigador percebe que foi Rurik quem o fez, através de pelos de sua capa de pele de lobo que ficaram presos na porta. Os dois entram e conversam no porão onde fica a forja do cuteleiro. O homem diz que tem certeza de que o assassino é um homem rico da cidade, e que provavelmente é Libs, pois esse tentou forçar um relacionamento com sua esposa certa vez. Entretanto, devido a isso, a policia faz vista grossa para o caso, propositalmente não resolvendo nada. Também deixa claro acreditar que muitos da cidade conspiram para abafar o caso. Mostra que realmente uma de suas botas não tem salto, devido a uma deficiência congênita que torna uma de suas pernas menor que a outra, mas não sabe como pegadas suas podem ter aparecido no local de um dos crimes.
Lauren continua no chão, na rua atrás da estalagem, chocada. Quang Fei a pega no colo e leva a moça para o quarto de Hagen, tentando acalmá-la. Sir Tristen e Victor começam a cuidar dela, criando um antídoto para o veneno. Quang Fei está no corredor orando sobre o corpo do paladino, e Rurik está amarrado dentro do quarto de Lauren. Hagen chega na taverna nesse momento. Sendo reconhecido pelos guardas de Tristen, tem permissão de adentrar o estabelecimento e percebe que algo grave aconteceu. Conversa com Quang, e logo depois com Victor, que põe ele a par do ocorrido (exceto do detalhe sobre a resposta de Sir Tristen às batidas na porta). Dizem a ele que Lauren foi picada por uma cobra, e ele a deixa descansar ali, trocando de quarto. O investigador pede a Sir Tristen que o ajude e o acompanhe até a casa de Libs para um interrogatório, mostrando todas os indícios de porque acredita que isso seja necessário, e o auxílio lhe é concedido. Logo em seguida, vai até o quarto onde Rurik está mantido amarrado.

O sonho de Rurik

Enquanto está desacordado e amarrado no quarto de Lauren, o bárbaro tem um sonho. Ele se encontra em uma montanha nevada de sua terra natal, quando ainda é jovem, e vê seu irmão correndo na neve. Ele o segue até uma caverna, e quando adentra ele já é o homem que é hoje, e encontra o Homem dos Pesadelos. A sinistra figura diz a ele que o paladino é importante para o objetivo de Rurik, e que se estiverem dispostos a pagar o preço, o contato do Terg para a missão que o levará a seu objetivo pode trazer o morto de volta. Esse homem tem um acordo com Rurik, e se o bárbaro ajudar a resolver os crimes, ele contratará seus serviços. O bárbaro acorda quando Hagen entra no quarto.
Categorias:Resumo - Igor

Conheçam Dr. Harvard! I

15 / novembro / 2006 Deixe um comentário

Do lado de fora da estalagem, Quang Fei vê o que parece um velho passando mal e decide ajudá-lo, entretanto, quando lhe oferece o ombro, este lhe ataca violentamente. Nesse momento, o monge vê não se tratar de um velho, mas sim de um homem forte, de andar curvado, cabelos brancos longos, olhos amarelos, dentes pontiagudos e uma face deformada, como que marcada pela varíola. O homem espanca o monge com suas mãos nuas, e lhe ofendendo inúmeras vezes, lhe dá um ultimato: “Este é o meu território, seu merdinha, e eu não quero você por aqui. Sua existência me ofende. Eu mando em tudo por aqui, e você tem dois dias para sair de minhas terras!”. Após isso, deixa o chinês desacordado na rua.

Victor, Rurik e Skaff decidem voltar à taverna para chamar Hagen e invadir a casa do cuteleiro, que eles julgam pode estar em perigo dentro da casa, já que apesar da placa na porta, ainda não havia voltado. O paladino vê Quang ferido e vai ajudá-lo, no que o monge conta o acontecido aos recém chegados. Victor sobe até os quartos para encontrar os demais, e encontra Lauren no quarto, que ainda está se sentindo mal. Ela conta estar envenenada, e é forçada a entregar ao médico a agulha e um pedaço da fechadura que a envenenaram. Victor decide não ser a hora de julgar a situação, e diz que precisa de equipamento alquímico para fazer um antídoto, coisas que a ladra diz poderem ser encontradas nas coisas de Hagen. Como existem guardas sentados na frente da porta de Tristen, ao fim do corredor, a ladra desiste da idéia de arrombar o quarto do companheiro, devido a isso Victor coloca o veneno (que identificou ser peçonha de cobra, com efeito rápido e letal) em um copo e vai até o quarto de Tristen pedir ajuda. Ao tentar falar com os guardas, o arquivista descobre que eles estão mortos, com perfurações em suas nucas. Ele bate na porta trancada, mas ninguém responde, então, desesperado ele desce e chama o estalajadeiro e os demais guardas do lorde. Todos sobem, e Quang Fei é mandado por Victor para acalmar Lauren, para que o efeito do veneno seja mais lento. O estalajadeiro tenta abrir a porta com suas chaves, mas descobre já existir uma chave quebrada na fechadura. Sir Tristen começa a bater na porta do lado de dentro, tentando entender o que está acontecendo, e os guardas arrombam a porta.

Nesse meio tempo, Victor pega as chaves com o estalajadeiro e vai abrir a porta do quarto de Hagen, mas quando ele se vira, um homem que subiu calmamente em meio à confusão, lhe toma o molho de chaves da mão e diz “Eu não faria isso.”. Victor não entende a principio e desvia do homem para abrir o quarto de Hagen, mas vê o homem estranho, de barba e cabelos cinzentos e desgrenhados caminhando rapidamente na direção do quarto de Lauren. Ele grita para avisar os demais companheiros de que a ladra está em perigo.
Rurik, que acabara de voltar do andar de baixo onde comprava um charuto, corre e o ataca com o machado, porém o corte no abdômen do homem se fecha mal a arma passa por ele. Victor murmura “Harvard…” e o estranho homem olha para trás, dizendo logo em seguida para Rurik “Segure-os”, e entrando no quarto arrombando a porta como se esta fosse feita de papelão. Skaff tenta entrar atrás do homem, mas Rurik, tendo sido encantado pelo clérigo de Malar, impede o paladino de passar.
Dentro do quarto, Lauren a escuta confusão do lado de fora e percebe que tem de sair dali, mas quando está começando a passar pela janela, Harvard adentra o recinto, tendo apenas Quang Fei como obstáculo. O monge reconhece Marcos (Harvard) e pergunta se ele vai machucar sua amiga, ao que o clérigo responde que quer apenas conversar com ela. Então ele desvia o chinês e vai em direção à janela. Victor, que tinha começado a conjurar uma magia, lança um raio de fogo na direção de Harvard, que pega fogo e se transforma em um lobisomem para apagar as chamas e corre para a janela. Skaff decide atacar Rurik para entrar e o bárbaro entra em fúria e decapita o paladino. Quang Fei fica paralisado de pavor diante da cena, enquanto Harvard escala as paredes exteriores da estalagem rumo ao telhado, atrás de Lauren.

Categorias:Resumo - Igor